fbpx

Blog

O que é We Tripantu?

A cada ano, os Mapuches celebram o We Tripantu, uma importante tradição antiga que, entre 21 e 24 de junho, marca um novo começo – uma mudança de ciclo impulsionada pela energia em constante renovação da natureza. Esta data coincide com o solstício de inverno, um fenômeno astronômico interpretado por esta cultura ancestral como o […]
julho 27, 2021

Diego Salas

Photo: Araucania Andina A cada ano, os Mapuches celebram o We Tripantu, uma importante tradição antiga que, entre 21 e 24 de junho, marca um novo começo – uma mudança de ciclo impulsionada pela energia em constante renovação da natureza. Esta data coincide com o solstício de inverno, um fenômeno astronômico interpretado por esta cultura ancestral como o “renascimento da vida”.

Para ser mais exato, este evento ocorre quando nosso planeta alcança sua máxima distância ao Sol. É a noite mais longa do ano e os dias subsequentes também são mais longos.

No começo do We Tripantu, o Sol “começa a retornar” e as múltiplas experiências da natureza mudam: a chuva chega, o que trará novos brotos, os rios renovam suas águas, os pássaros nascem mais cedo, os animais perdem suas peles. Todas as energias da Terra são renovadas.

De acordo com a cosmovisão Mapuche, os humanos são completamente conectados com a natureza, o que significa que toda esta energia transformadora também afeta as pessoas e comunidades. O Sol, a Lua, a chuva, o oceano e o vento são elementos que sempre devem permanecer em equilíbrio para que possamos viver em boa saúde e harmonia.

A importância do We Tripantu para a agricultura

O solstício de inverno é um momento transcendental para colheitas. Muita da reverência que ocorre durante as celebrações do We Tripantu é dedicada às colheitas boas e abundantes. Nossa querida amiga Sandra Naiman, uma mulher huilliche – a ramificação sulista do povo Mapuche – utiliza métodos ancestrais de agricultura em sua fazenda. Ela explica que durante esse período “podemos começar a semear as plantações, pois as sementes germinam e começa uma nova vida”.

“O We Tripantu é uma importante celebração para nós e toda a comunidade participa,” diz Sandra.  “Nesse dia nos reunimos muito cedo, por volta das 6h da manhã, para nos banharmos no rio, já que, de acordo com nossas crenças, a água está purificada para receber nova energia.”  Na noite anterior, segundo Sandra, a comunidade participa de uma série de atividades tradicionais Mapuche, em que comidas, danças e orações típicas são compartilhadas e os anciãos contam histórias para as novas gerações.

Entre as diversas atividades e excursões que o hotel Tierra Chiloé oferece está a oportunidade de conhecer Sandra e sua fazenda ecológica, que ela gerencia e trabalha com suas próprias mãos, usando as técnicas de seus ancestrais em completa harmonia com a natureza que a cerca. Sua história permite que os visitantes entendam melhor o estilo de vida rural das pessoas de Chiloé, um arquipélago ao Sul do Chile que está repleto de cultura, mitos e lendas e que também ostenta uma rica biodiversidade e paisagens incríveis.

Você gostaria de descobrir esta ilha, seu cenário exuberante e suas tradições? Contate-nos para começar a planejar uma experiência inesquecível com o apoio de nossa experiente equipe de Experiência ao Hóspede.

0 0 votes
Article Rating


0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Nossos artigos mais recentes

Circuito W ao estilo Tierra

Circuito W ao estilo Tierra

Banhos de bosque para cura

Banhos de bosque para cura

A agasalhadora lã de Chiloé

A agasalhadora lã de Chiloé

Assine nossa newsletter e receba nossas ofertas e promoções a cada mês